segunda-feira, 30 de julho de 2018

Depois de 52 anos de história, MTG terá sua primeira candidata mulher

Pela primeira vez em sua história, o Movimento Tradicionalista Gaúcho do Rio Grande do Sul terá uma candidata do sexo feminino disputando as eleições em janeiro, no Congresso, na cidade de São Borja, para a cadeira de presidente da federação. Elenir poderá se tornar a primeira mulher à ser gestora do MTG.

              Elenir de Fátima Dill Winck,  é natural de Cruz Alta, casada com Ciro João Winck, residente em Panambí,  cidade que a recebeu e a condecorou com o título de cidadã panambiense

Elenir tem o reconhecimento da cidade que adotou para viver
           Elenir é Pós-graduada em Geografia, pela UNIJUI. Iniciou sua carreira profissional como Professora na rede municipal de Panambi, em 1975 e na rede estadual, em 1978. Foi Vice-Diretora da Escola Estadual de Educação Básica Poncho Verde e durante doze anos (de 1984 a 1996) foi diretora da EMEF Presidente Costa e Silva. Nos anos de 1995 e 1996 integrou o Conselho Municipal de Educação de Panambi. Coordenadora Pedagógica da 36ᵃ Coordenadoria Regional de Educação de Ijui.(2007-2008).

            Atuou como Presidente do Conselho dos Secretários Municipais de Educação (CONSEME) da Associação dos Municípios do Planalto Médio – AMUPLAM, e integrante da diretoria da União dos Dirigentes Municipais de Educação do RS-UNDIME(2009 a 2012- 2015-2016). Foi Secretária Municipal de Educação e Cultura do município de Panambi, por quatro administrações: (1997/2000; 2001/2004; 2009/2012; 2013/ 2016). 


          Por várias gestões integrou o Departamento Cultural do Centro de Tradições Gaúchas Tropeiro Velho, de Panambi. Também foi Diretora Cultural da 9ª Região Tradicionalista, por quatro anos e Diretora Artística do Movimento Tradicionalista Gaúcho – MTG do Rio Grande do Sul por três anos. Avaliadora de vários concursos de Ciranda Cultural de Prendas e Entrevero Cultural de Peões. Atuou como relatora em Convenções e Congressos Tradicionalistas e foi organizadora e apresentadora de protocolos do MTG durante 2009, 2010 e 2011. Foi Presidente do 1º, 2º, 3º, 4º, 5º e 6º Moinho da Canção Gaúcha de Panambi/RS.

           Elenir presidiu a Comissão Executiva do 25º Entrevero Cultural de Peões do Rio Grande do Sul, realizado nos dias 18 a 20 de abril de 2013, em sua cidade. Conselheira do Movimento Tradicionalista Gaúcho, desde 2014. Foi vice-presidente de cultura do MTG, nos anos de 2014, 2015 e 2016.
Atualmente é vice-presidente de administração e finanças do MTG, desde o ano de 2017. É integrante do Lions Clube de Panambi,  desde 1995, onde se doa para ajudar a sua comunidade.

5 comentários:

ANA BETINA JAHN disse...

Isso mesmo dona Elenir, torcemos e nos orgulhamos de tua escilha. Boa sorte!

Ibra disse...

Parabéns ao casal Winck pela trajetória de sucesso e aceitação dos desafios. Quem conhece esta mulher, sabe quantos desafios já superou.

Unknown disse...

Torço pela senhora e sei que se eleita fará um belíssimo trabalho.

Unknown disse...

Vai ficar em boas mãos

Loanda Triboli disse...

Casal querido que tive o prazer de conhecer. Nosso MTG muito bem representado