terça-feira, 20 de agosto de 2019

BLOCO 6 Curiosidades - FEGART 1993

Você Sabia?
           No ano de seu segundo campeonato, 1993, o CTG Porteira Velha perdeu um de seus dançarinos no brete, por problemas de inscrição, e mesmo assim conquistou o título, consagrando-se bicampeão do FEGART. Segue abaixo a foto do grupo de danças do CTG Porteira Velha, de 1993. Presença de cinco títulos estaduais: Marcelo Acker, Daniela Franzen, Tiziana Ludwig, Raquel Ortácio e Felipe Giovenardi. 
     Alguns nomes que compõe este grupo: Douglas Diehl, Geovana Goulart, Jurandir Oliveira, Marcelo Rosa, Marcelo Acker, Felipe Giovenardi, Jaime Spellmeier, Daniela Franzen, Pablo Boll, Tiziana Ludwig, Raquel Ortácio e Magda Spellmeier. (Contribuição | Bloco 6)

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

BLOCO 6 Curiosidades - FEGART 1996

         No ano de 1996, além do fato de terem se classificado 12 grupos para a grande finalíssima (segundo nossas fontes), outra curiosidade foi que a dança de integração foi gravada pelo repórter Maurício Kubrusly e transmitida para todo o Brasil no programa Fantástico, da Rede Globo. Na época, ele chamou de "Bailão Farroupilha".

       Abaixo, segue uma foto retirada do Jornal do Nativismo, de Porto Alegre.
contribuição: BLOCO 6.  Diogo Giovenardi


MS se prepara para o Encontro da Juventude Tradicionalista

MS: Princesinha dos Ervais sedia encontros do tradicionalismo gaúcho
Integrantes do MTG-MS disputarão algumas modalidades do folclore gaúcho durante o fim de semana

          O CTG Querência da Saudade e o Movimento Tradicionalista Gaúcho do Mato Grosso do Sul (MTG-MS) realizam nos dias 24 e 25 de agosto, o 15º Rodeio Artístico e Cultural do MTG-MS e o Encontro da Juventude Tradicionalista em Ponta Porã-MS.

        Conforme a comissão organizadora, Danças Tradicionais, de Salão e Chula; Música; Declamação de Poesia; Bocha, Bolão e Truco são as modalidades do evento. “Tivemos aproximadamente mil inscritos para estas modalidades, que serão disputadas pelos integrantes de nove CTGs filiados ao nosso MTG”, explica o Presidente do MTG-MS, Agadir Mossmann.

          As competições começam com o Torneio de Bocha e Bolão às 8h30h de sábado, 24 de agosto. Às 9h, inicia o Encontro da Juventude Tradicionalista MTG-MS. No período vespertino, às 13h, começam os concursos de individuais, como Declamação e Músicas, além do Torneio de Truco. Às 16h estão programados os concursos de Danças Tradicionais, começando com a categoria Pré-Mirim. De noite, às 18h, será realizada a Cerimônia de Abertura. Após, o MTG-MS dará continuidade às competições, com Chula e Dança de Salão.

        No domingo, 25 de agosto, as atividades iniciarão às 8h, com Danças Tradicionais conforme as categorias: Veterana, Mirim, Juvenil e Adulta. A solenidade de encerramento está prevista para o fim da tarde.

        De acordo com a comissão organizadora, participarão os CTGs do MS: CTG Campos da Vacaria – Sidrolândia, CTG Chama Crioula - São Gabriel do Oeste, CTG Cultivando a Tradição - Chapadão do Sul, CTG Nova Querência – Maracaju, CTG Querência da Saudade - Ponta Porã, CTG Querência do Sul – Dourados, CTG Recanto da Laguna - Laguna Caarapã, CTG Tropeiro Velho - Rio Brilhante e CTG Tropeiros da Querência - Campo Grande.



 Encontro da Juventude Tradicionalista 

          O Encontro será realizado no sábado, dia 24 de agosto, e começará às 9h com Solenidade de Abertura e a Palestra “A realidade dos MTGs através dos olhos da Juventude”, com os Diretores Jovens da CBTG, a 1ª Prenda, Natália Lorenzi de Souza e o 1º Peão Tradicionalista, Victor A. Nemirski Parmeggiani. Às 10h45 ocorrerá a Gincana Tradicionalista, organizada pela 1ª Prenda do MTG-MS, Rosangela Dias. No período vespertino, às 13h, a Diretora de Indumentária da CBTG, Ana Paula Vieira Labres, compartilhará seus conhecimentos sobre o tema "Indumentária Gaúcha - Traje Atual". Em seguida será realizada uma atividade especial: o Desfile de Indumentárias, com Trajes Atuais e de Época - uma idealização da 1ª Prenda Veterana do MTG-MS, Rosane Pederiva. 

         As ações contam com o apoio do Departamento Cultural e do Prendado do MTG-MS. “É com alegria que o Departamento Jovem e Cultural do MTG-MS retoma e organiza com muito carinho e dedicação o Encontro da Juventude Tradicionalista do MTG-MS”, comenta a 1ª Prenda do MTG-MS, Rosangela Dias. 

          A Diretora Cultural do MTG-MS, Daiane Pereira, enfatiza: “Vamos vivenciar trocas de experiências e compartilhar ideias de temas atuais com participações muito especiais, por meio de nossa equipe do Prendado Estadual e também da CBTG!”. O Presidente do MTG-MS, Agadir Mossmann, finaliza: “Estaremos reunidos no CTG Querência da Saudade nesses eventos oficias para preservamos o tradicionalismo gaúcho e integrarmos nossa família tradicionalista de Mato Grosso do Sul. Convidamos a todos para participarem conosco, divulgarem seus trabalhos e compartilharem seus projetos e ações”.


Programa Identidade Gaúcha entra na semana do Folclore

Só clicar na imagem que te leva par ao Site da Rádio Quero-Quero ponto Net, a Sentinela dos Pampas.

          Uma semana importante para o Rio Grande do Sul, em termos culturais. Sim, estamos entrando na Semana do Folclore, que foi definido lá no seculo XIX, com origem no inglês,que significa sabedoria popular. A palavra é formada pela junção de "folk" (povo) e "lore" (sabedoria ou conhecimento). O folclore simboliza as culturas populares e tem grande importância na preservação da identidade de um povo. Para que não se perca a tradição e o folclore, é fundamental que as manifestações culturais sejam transmitidas através das gerações.

           A Comissão Gaúcha de Folclore, criada em 1948 tem o compromisso de pesquisar e zelar pelo folclore gaúcho. È reconhecida pela UNESCO (organização internacional que tenta salvaguardar o patrimônio cultural e sensibilizar o povo para a importância da herança folclórica e necessidade de preservação desta).

            "A literatura oral é uma herança que passa de geração em geração, elaborando através do tempo os elementos de identidade de um povo. Infelizmente, os meios modernos de comunicação social reproduzem programas massificantes que modificam valores destroem costumes e tradições".

           E o programa Identidade Gaúcha vai entrevistar nesta terça, dia 20, a Cristina, que faz parte da CGF e na quinta, dia 22 (o dia do Folclore), entrevistará a professora Paula Simon Ribeiro (que já foi presidente da CGF e da Comissão Nacional do Folclore - Hoje, é conselheira estadual de cultura).

Começam os Festejos Farroupilhas no RS. Acesa a Chama Crioula em Tenente Portela

          Foi gerada, nesta sexta-feira, 16, em Tenente Portela, a Chama Crioula oficial do Rio Grande do Sul e distribuída para as 30 Regiões que compõe a descentralização administrativa do tradicionalismo gaúcho organizado no estado.

           O evento contou com diversas autoridades e, ente elas, o Presidente da Confederação Brasileira da Tradição Gaúcha, João Ermelino de Mello, que veio especialmente do Mato Grosso do Sul e do Patrono dos Festejos Farroupilhas, Cesar Oliveira.
           Na quinta-feira, antecedendo as festividades teve o baile do Desafio Farroupilha, com as presenças de César Oliveira & Rogério Melo, Thomas Machado, Luiza Barbosa e animação do grupo "Os 4 Gaudérios". A renda foi revertida para o hospital da cidade. Parabéns aos organizadores e idealizadores deste evento.

            Mais de 1.500 tradicionalistas foram até o noroeste do estado para buscar o fogo simbólico da semana farroupilha. A cidade comprou a ideia e o comercio se enfeitou para receber o Rio Grande e os visitantes de fora. A cidade ainda apresentou uma encenação da morte do personagem da Coluna Prestes que deu nome ao município, Tenente Portela. 

CHAMA CRIOULA | Porque tem um valor simbólico tão grande


        Uma fogueira sempre mexe com os nossos pensamentos. Um fogo de noite pode significar muita coisa. Pode ser um luau, pode ser magia... Todos nós temos uma história com o fogo. Tem gente que adora. Outros morrem de medo. Por que será?

         Em todos os povos e culturas, o fogo sempre foi associado às forças espirituais. É símbolo da divindade e das chamas do inferno. Ao mesmo tempo, o fogo é, dos quatro elementos da natureza, o mais sutil. Afinal de contas é o único com o qual a gente não pode entrar em contato direto.

          O fogo é fonte de luz e nos aquece. Mas ninguém pode tomar banho no fogo, respirar fogo ou pegar fogo sem se ferir. O fogo fere porque ele é pura transformação. Nunca é igual, nem a si mesmo.

           O fogo aquece nosso coração, ilumina as trevas da Noite e por isso tem importância em rituais de magia, é idolatrado por alguns, serve de inspiração para outros e ainda pode ser considerado símbolo da paixão. Como se vê, o fogo está sempre presente: não só como instrumento da humanidade para dominar a natureza, mas como símbolo de nossos próprios sonhos.

           A tradição de manter um fogo aceso durante os Jogos Olímpicos remonta à antiguidade, quando se efetuavam sacrifícios a Zeus. Nessas cerimônias, os sacerdotes acendiam uma tocha e o atleta que vencesse uma corrida até ao local onde se encontravam os sacerdotes teria o privilégio de transportar a tocha para acender o altar do sacrifício. O fogo era então mantido aceso durante os Jogos, como homenagem a Zeus.


Rio Grande do Sul

          No Rio Grande do Sul, esse fogo simbólico é representado pela Chama Crioula, que nasceu no ano de 1947, em um momento conturbado da historia Brasileira e mundial. Era um período em que os Estados Unidos da América, que havia tirado vantagens da 2ª grande guerra, ditava a moda como centro irradiador das grandes novidades mundiais, espalhando seu capital, seu prestigio, mas principalmente sua cultura que era de “mudar”, “evoluir”, “desenvolver” reproduzir o modismo lançado que invadia a América.


          No ano de 1947, quando foi criado em Porto Alegre, no Colégio Júlio de Castilhos um Departamento de Tradições Gaúchas, com o objetivo de resgatar, preservar e proporcionar a revitalização das coisas tradicionais do RS, através da historia gaúcha, um grupo de jovens ginasianos  deste colégio, não ficaram sentados assistindo culturas alternativas invadirem o cerne cultural de nosso estado, e numa atitude de muita responsabilidade,  oficiaram o presidente da Liga de Defesa Nacional, manifestando o desejo de fazer o acompanhamento dos restos mortais do General Farroupilha, David Canabarro, que era transladado ao Panteão riograndense, de à cavalo. Uma vez aceito pela Liga de Defesa, o mais difícil foi arregimentar cavalarianos para cumprirem o ato, onde podemos verificar que usar indumentária gaúcha  naquele período era quase um “crime” perante a sociedade.

          Sete de setembro de 1947, da pira, foi retirada uma centelha do Fogo Simbólico, acendendo o candeeiro crioulo e guardado no Colégio Julio de Castilhos,  dando origem à nossa Chama Crioula, que simboliza o apego do gaúcho à sua terra, o seu nativismo, seu telurismo. Esta Chama permanece acessa dentro de cada um de nós, demonstrando nosso respeito às instituições, valorizando a nossa cultura tradicional, à palavra empenhada, e nossa demonstração de civismo, patriotismo e amor ao Rio Grande e suas mais caras tradições.

Locais de acendimento da chama crioula
2001 - Guaíba, na fazenda de Gomes Jardim
2002 – Laguna/SC, Distribuição em Santa Maria
2003 - Camaquã, na Chácara das Aguas Belas, de Barbosa Lessa
2004 - Erechim, no Recanto dos Tauras
2005 - Viamão, cidade fundamental na história do RS
2006 - São Gabriel, na Sanga da Bica, onde tombou Sepé Tiarayú
2007 - São Nicolau, 1ª redução e um dos 7 povos das missões
2008 - São Leopoldo, Terra de Colonização Alemã
2009 - São Lourenço, no casarão de Ana, irmã de Bento Gonçalves
2010 - Itaqui, o acendimento volta para a fronteira
2011 - Taquara, cinquentenário da Carta de Princípios
2012 - Venâncio Aires - Capital Nacional do Chimarrão
2013 – General Camara – Distrito de Santo Amaro
2014 – Cruz Alta – Terra de Erico Verissimo
2015 – Acendimento internacional na Colonia do Sacramento e distribuição no Chui
2016 – Triunfo – Terra de Bento Gonçalves e da Batalha do Fanfa
2017 – Mostardas
2018 – Iraí
2019 – Tenente Portela

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

CEC tem novo presidente e novas câmaras, diretiva e técnica

          Na tarde desta quarta-feira (14/08), foi eleita a nova Câmara Diretiva e as novas Câmaras Técnicas do Conselho Estadual de Cultura do Rio Grande do Sul.

          As conselheiras Paula Simon Ribeiro, Liana Yara Richter e o conselheiro Plínio José Borges Mósca comandaram os ritos e processos da eleição. O trio foi responsável por rubricar as cédulas de voto, fazer a contagem oficial e anunciar a nova Câmara Diretiva. A contagem dos votos revelou empate técnico: 12 votos para a “Chapa 1” e 12 para a “Chapa 2”. De acordo com o Regimento Interno do CEC-RS, é eleita a chapa cujo candidato à presidência tenha a maior idade.

         Com isso, configura-se, como escrito abaixo, a nova direção (2019 - 2020) do Conselho Estadual de Cultura do RS:

Câmara Diretiva:
- Presidente: José Édil de Lima Alves;
- Vice-presidente: Jorge Luís Stocker Júnior;
- Secretaria-geral: Marlise Nedel Machado;
- Assessoria Especial: Luis Antônio Martins Pereira.
Da esquerda para a direita: Jorge Luís Stocker Júnior (vice-presidente), José Édil de Lima Alves (presidente), Luis Antônio Martins Pereira (assessoria especial) e Marlise Nedel Machado (secretaria-geral).
Câmaras Técnicas:
-Câmara Técnica de Legislação e Normas:
Ivo Benfatto;
Gisele Pereira Meyer;
Paulo Leonidas Fernandes de Barros;
Dalila Adriana da Costa Lopes.

-Câmara Técnica de Ciências e Humanidades:
Paula Simon Ribeiro;
Plínio José Borges Mósca;
Sandra Helena Figueiredo Maciel.

-Câmara Técnica de Artes e Letras:
Cristiano Laerton Goldschmidt;
Nicolas Beidacki;
Vitor André Rolim de Mesquita;
Marcelo Restori da Cunha.

-Câmara Técnica de Relações Institucionais:
Liliana Cardoso Rodrigues dos Santos;
Gilberto Herschdorfer;
Moreno Brasil Barrios;
José Airton Machado Ortiz.

-Câmara Técnica do Patrimônio Histórico e Artístico:
Daniela Giovana Corso;
Rodrigo Adonis Barbieri;
Vinicius Vieira de Souza;
Gabriela Kremer da Motta.

Quem é José Edil de Lima Alves?

          O novo Presidente do Conselho Estadual de Cultura do RS é o professor, integrante da Academia de Letras, José Edil Alves. "E até um pouco Português", brinca Alves, nascido em São Gabriel, e levado para Uruguaiana aos seis anos. Desde a escola primária, era envolvido com cultura. "Com 9 anos já era secretário do Centro Estudantil do Colégio Santana, em Uruguaiana." – conta. 

           Em 1965 veio para Porto Alegre cursar jornalismo na UFRGS, porém após um semestre acabou trocando para Letras na PUCRS, onde concluiu seu curso com ênfase em língua espanhola, em 1968. De volta a Uruguaiana, foi coordenador no Colégio Marista Rosário de Uruguaiana e professor na Faculdade de Uruguaiana. Também lecionou no Rio de Janeiro, antes de ser convidado para estudar e trabalhar em Portugal. Apesar da mudança repentina e enorme, logo se adaptou à cultura e costumes dos lusos. 

           Quando em Portugal, ministrava aulas, assistia palestras e até jantava com grandes renomes da literatura portuguesa, como José Saramago, então presidente da associação de escritores Lusos. Foi a convite de José Édil que Saramago veio pela primeira vez ao Rio Grande do Sul, no 1º Congresso de Cultura do estado, em 1987. 

          Teve alguns textos publicados em jornais de Lisboa e do interior. Mas as palmeiras do Brasil cantaram mais alto. Em 1986 voltou para lecionar em Porto Alegre. Quando questionado sobre sua entrada no Conselho Estadual de Cultura, José Édil diz que tudo aconteceu de surpresa. Seus colegas de Academia, Walter Galvani e Élvio Vargas, estavam por acabar seus mandatos de 4 anos no Conselho, e então, o indicaram para substituí-los por conta de suas boas atribuições. Na gestão passada foi secretário e agora assume a presidência do CEC.

terça-feira, 13 de agosto de 2019

Nota de falecimento - Jovem de 22 anos morre após acidente na BR 293

          Mais uma vez a violência das estradas ceifa uma jovem vida. Na noite passada, de segunda, na BR 293 km 157 (fonte: Bagé 24 Horas - Noticias e midias), um acidente fatal envolvendo moto e carro próximo a cidade de Hulha Negra levou ao prematuro desencarne o jovem Vitor Rabenhorst Dal Molin, bageense, residente em Candiota.

           Dal Molin, jovem gaúcho, que gostava da lida com o cavalo, dançou no CTG Candeeiro do Pago, estudava Agronomia na faculdade Ideau, de Bagé, e era um rapaz de bem com a vida, amigo dos amigos... Pedimos a Deus que conforte o coração dos pais, Marco e Rosa, que sofrem com a partida de seu filho. Nos solidarizamos com a dor desta família e dos amigos.

Confraria automotiva: "Sentiremos saudades do mate amargo, das conversas do final da tarde, do guri de pegada. Inacreditável que partiste tão cedo. Tua estrela irá brilhar lá em cima, juntamente com outras que nos deixaram. Saudade, saudade e saudade".




segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Paulo Vargas lança o livro "Aos olhos da vida" - Dia 29, em Ivoti


Identidade Gaúcha ganha mais vozes e tem novo comentarista

          O programa Identidade, da Rádio web Quero-Quero ponto net, repetido pela Rádio Acácia FM, do Jardim Algarve, de Alvorada, que vai ao ar de terça a quinta das 8h às 10h da manhã, agora tem mais uma voz em seus quadros. Com a chegada de Diogo Raul Giovenardi, agora são 15 vozes que levam até o internauta, ou aos ouvintes, o melhor da musica, da cultura e do entretenimento nestes três dias. Giovenardi chega para comentar os rodeios artísticos pelo estado e fora dele, como fazia no programa de internet, Bloco 6, além de trazer estatísticas e números interessantes de eventos como JuvEnart, Enart, FestMirim, FestXiru, entre outros.

          Na quarta teremos o comentário de Anderson Hartmann, que foi um dos Guris Farroupilhas do RS no primeiro concurso estadual que aconteceu, hoje é um profissional destacado em sua área, viajando pelo mundo. Diariamente, Léo Ribeiro de Souza, advogado, poeta, ex-presidente da Estância da Poesia Crioula e Patrão do Grupo Tradicionalista Fraternidade Gaúcha, da maçonaria, compositor, é nosso correspondente do quadro "Repontando Datas". Severino Moreira, escritor, poeta, compositor, radialista, direto de Candiota nos ensina tudo sobre medicina campeira e povoeira.

          Diariamente, três correspondentes do interior do estado trazem noticias de partes do Rio Grande:
Terça-feira:
Leandro Araújo  [Região Metropolitana]
Douglas Uillian Quadros da Silva[Serra]
Diellen Soares  [Região da Campanha]

Quarta-feira:
Daiana Dal Ros [Região Missioneira]
Ticiana Leal  [Região central]
Igor Gava     [Região do Planalto]

Quinta-feira:
Gilmara Silveira [Litoral]
Priscilla Fonseca [Zona Sul]
Renata Pletz com o quadro Reminiscências (relembrando festivais nativistas)

          Estamos ainda aguardando a chegada de novos comentaristas e correspondentes deste programa que tem o DNA da gauchada. Além de, toda semana, ter convidados pra lá de especiais e entrevistas com ilustres gaúchos que fazem a nossa historia.

Apresentação: Rogério Bastos e Liliane Pappen  |  Terça à quinta, das 8h às 10h

sexta-feira, 9 de agosto de 2019

JuvEnart - a relação dos campeões de todas edições


Colaboração: Diogo Giovenardi - Bloco 6 comentarista do Identidade Gaúcha

    O Identidade Gaúcha e o Blog Noticias do Tradicionalismo estarão publicando estatísticas sobre o grande JuvEnart, o maior evento da categoria juvenil do mundo.

Lançada a Frente Parlamentar da Cultura Gaúcha

         
Vice-presidente da República Hamilto Mourão e o Governador do Estado, Eduardo Leite estiveram presentes
         O CTG Jayme Caetano Braun, na capital federal, foi palco da divulgação da programação da principal data para os gaúchos, a Semana Farroupilha, junto à cerimônia que marcou a criação da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Cultura Gaúcha – que recebeu o apelido de bancada da bombacha. A nova Frente tem como objetivo enaltecer e valorizar o tradicionalismo gaúcho e nasce com finalidade de ser uma importante ferramenta de fomento das inovações culturais, artísticas e sociais no país.

         O evento aconteceu nesta quarta-feira (7 de agosto), e contou com a presença de diversas autoridades, como o vice-presidente, general Hamilton Mourão, o governador do RS, Eduardo Leite e o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, ministros e secretários, assistiram a shows musicais de artistas como Luiza Barbosa e Thomas Machado (The Voice Kids), e apresentações de danças tradicionais do CTG Tropeiros do Ouro Negro, de Canoas, e do grupo Arte Nativa, de Lagoa Vermelha. Churrasqueiros desse município ficaram encarregados de assar o churrasco da festa, quase meia tonelada de carne.

          A noite festiva para as tradições gaúchas teve vários momentos que se pode destacar. A participação do DTG Tropeiros do Ouro Negro, de Canoas, por exemplo que, om os olhos vendados e acompanhados da gaiteira Natália Guastuci, apresentaram a "dança da inclusão". Já o Capitão Faustino, um jovem que vem se destacado na trova e na música, cantou a versão gaúcha para "Trem Bala", de Ana Vilella, diante de um corredor de prendas e peões. Fernando Augusto Espíndola, Chiquito, Gildinho, João Luiz Correa, enter tantos outros animaram a festa.

          Foi apresentado em vídeo, um convite para que os brasileiros conheçam o Rio Grande do Sul na Semana Farroupilha, que, na capital gaúcha dura 15 dias. Na forma de um clipe, o convite tem o título “Vem pro Rio Grande”, com letra de Rodrigo Bauer e melodia do patrono dos festejos de 2019, César Oliveira.

          Também estiveram presentes os ministros de Justiça e Segurança, Sergio Moro; de Cidadania, Osmar Terra; de Relações Exteriores, Ernesto Araújo; e da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos; o presidente da Câmara, Rodrigo Maia; senadores; deputados; representantes do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG); da Confederação Brasileira da Tradição Gaucha, João Ermelino de Mello; e patrões de CTGs de todo o país. O Ex-presidente do MTG do RS, e da CBTG, Manoelito Carlos Savaris esteve presente e deu entrevista com exclusividade para o programa Identidade Gaúcha falando sobre o evento.

          Durante seu discurso na cerimônia, João Ermelino de Mello enfatizou o trabalho voluntário e a juventude tradicionalista: “Percebemos dificuldades em conseguir apoio e patrocínio para a realização de eventos tradicionalistas gaúcho, diante do ritmo da economia. Sobrevivemos com a dedicação de uma imensa família de voluntariado e valorizamos muito o trabalho de nossas crianças e jovens. Nossa luta e trabalho são imensos. Acredito também que seja extremamente necessário repassar à nova geração esse debate para continuarmos lutando pela essência dos princípios tradicionalistas e despertar na juventude esses nossos anseios”, pontuou.

          Da Diretoria da CBTG prestigiaram o evento: o Diretor Geral - Wilson da Silva Porto Filho, o Diretor Social - Francisco Carlos Fighera, o Diretor de Esportes - Mauro Magno Machado e a Diretora de Relações Internacionais, Loiva Lopes Calderan. 


Colaboração: Aline Kraemer
Assessoria com. CBTG

Joca Martins e Mano Lima lançam: Perdidos na Capital

Joca Martins e Rodrigo Bauer - Mais um sucesso musical, agora na parceria com Mano Lima
Só clicar na legenda e escutar o sucesso....

Vem aí, o Sarau da Prenda Jovem do 35 CTG


Lá se vão, 14 anos sem Cyro Dutra Ferreira

Cyro Dutra Ferreira: um Tradicionalista que representou e representa o campeirismo do Rio Grande do Sul

      CYRO DUTRA FERREIRA nasceu em Porto Alegre, no dia 10 de janeiro de 1927. Foi Patrão do pioneiro 35 CTG, nos períodos entre 1955-1956 e de 1963-1964. Participou de quase todos os cargos de Diretoria e do Conselho de Vaqueanos, em mais de 20 gestões. Foi Conselheiro do Movimento Tradicionalista Gaúcho.

     Cyro escreveu o livro “O 35: o Pioneiro do MTG”, Gauchadas, Aquarelas de uma vida, Campeirismo Gaúcho, além de inúmeras crônicas sobre Tradicionalismo, em vários jornais. Foi Capataz de Estância. Trabalhou na FARSUL. Exerceu o cargo de Chefe de Escritório e Gerente da Comercial de Explosivos Ltda (Comercial Luce S.A.). 

       Antes de deixar esta fase da vida, no dia 9 de agosto de 2005, Cyro viveu entre a sua fazenda, em General Câmara, e as atividades tradicionalistas. Foi integrante do chamado Grupo dos Oito ou Piquete da Tradição – a turma do “Julinho” -, do Grêmio Estudantil do Colégio Júlio de Castilhos, em 1947, participando, com outros sete tradicionalistas, da abertura da Ronda Gaúcha, dentro das festividades programadas pelo Departamento de Tradições Gaúchas.

       O Programa Identidade Gaúcha desta quinta que passou, dia 8, fez menção aos 14 anos sem este ícone e entrevistas com dois, dos tres filhos de Cyro, Isabel e Helio Ferreira. Nossa lembrança, homenagem, à uma pessoa que não pode ser esquecida.
Em memória de Cyro Dutra Ferreira - Um Campeiro

quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Identidade Gaúcha, desta quinta, tem Cyro Dutra Ferreira e Apparicio Silva Rillo

          Não perca o Identidade Gaúcha desta quinta-feira, o tema será 14 anos sem Cyro Dutra Ferreira e 24 anos sem Apparicio Silva Rillo. Além dos personagens, teremos o Reminiscencias com Renata Pletz, o comentário de Anderson Hartmann e nossas correspondentes Gilmara Silveira e Priscilla Fonseca.

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

Programa Identidade Gaúcha especial JuvEnart - Vem com a gente nesta terça

          Neste Programa especial vamos falar sobre o JuvEnart. Sim, o maior evento de grupos juvenis do mundo. Estaremos conversando com Eider Dias, instrutor do campeão, CTG Rancho da Saudade, Carlos Eduardo, o Dudu, do Gildo de Freitas, vice-campeão e o Criador do evento, Arion Pilla.

           Era o ano de 2002, o CTG Sentinela da Querência preparava para inaugurar suas piscinas, mas partes do galpão ainda precisavam de reformas. O Piá Farroupilha do CTG era Luccas Adams Pilla, filho do lendário Arion Pilla. Como não entendiam muito de torneios esportivos, como a Bocha, então pensaram em fazer concurso de danças. Luccas queria um evento mirim, mas muitos já existiam, para juvenis, não. Foi então que projetaram o FestJuvenil, mas o nome não agradava.
          “Não tínhamos um nome. Foi quando, em um ensaio, o Sr. Clodoaldo (ecônomo) levantou-se de onde estava, atrás do freezer, e falou jocosamente, com os olhos arregalados e o sorriso bem aberto: - “JuvEnart”... Era isso! – Clodoaldo, tu és um gênio!!! Gritei eu feliz. JuvEnart! Esse seria o nome de nosso evento. Nos não fazíamos a menor ideia do que estávamos fazendo.”– contou Arion Pilla.

          Mais histórias vocês saberão nesta terça, dia 6, das 8h às 10h da manhã.

Nota de falecimento - Patrão Paulo Trindade

           É com muito pesar que comunicamos o falecimento do Patrão do CTG Antonio Caringi, de Pelotas, Paulo Trindade. Grande guerreiro que deixou um grande legado para a jovem entidade. Ele faleceu na tarde deste domingo, dia 4 de agosto.

          Neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que lhe ilumine e lhe dê paz, e que Deus dê conforto à sua família para que possam enfrentar esta imensurável dor com serenidade.

          Devemos sempre lembrar que Deus quer ao seu lado os melhores, e com certeza o nosso amigo Paulo já está ao lado do Senhor, cumprindo uma nova missão. Descanse em paz.

Enart terá sorteio das inter-regionais nesta terça, dia 6

          O Encontro de Artes e Tradição Gaúcha, o ENART, em mais uma edição de sucesso, terá nesta terça-feira, dia 6, o sorteio da fase inter-regional, que prepara para a grande final em Santa Cruz do Sul, em novembro. o evento inicia as 17h e contará com transmissão via internet.

           Lembrando que as inter-regionais funcionarão da seguinte forma:

1ª INTER-REGIONAL - SERRA 24 e 25/08 Farroupilha/RS
RTs: 7ª, 8ª, 11ª, 17ª, 19ª, 24ª, 25ª, 27ª, 28ª e 28ª
Força B: 10 vagas    |  Força A: 8 vagas

2ª INTER-REGIONAL - FRONTEIRA 28 e 29/09 Santo Ângelo/RS
RTs: 3ª, 4ª, 5ª, 9ª, 10ª, 13ª, 14ª, 18ª, 20ª e 21ª
Força B: 14 vagas    |   Força A: 11 vagas

3ª INTER-REGIONAL - LITORAL 19 e 20/10 Sapiranga/RS
RTs: 1ª, 2ª, 6ª, 12ª, 15ª, 16ª, 22ª, 23ª, 26ª e 30ª
Força B: 11 vagas     |   Força A: 15 vagas

Boa Sorte, meus amigos

domingo, 4 de agosto de 2019

Classificados na Sesmaria de Osório

          "Notícia ótima para uma sexta-feira chuvosa. Nosso poema CADA INFÂNCIA COM SEU TEMPO foi classificado entre centenas de lindas obras, num dos maiores festivais poéticos do Rio Grande do Sul, a Sesmaria, de Osório. Parabéns a todos" - exclamou Leo Ribeiro de Souza, em seu blog, de onde vieram estas informações. 

         A Associação Cultural Sesmaria  apresenta os 10 poemas que estarão no palco da 24ª Quadra da Sesmaria da Poesia Gaúcha, no dia 28 de setembro de 2019, em Osório.

1 - PORTEIRA CHORA PRA O VENTO 
Matheus Costa - Dom Pedrito

2 - CORDEONA GENUÍNA (Pra digitais do meu tempo) 
Fabrício Marques e Otávio Lisboa - Pelotas 
declamador: Valdemar Camargo 
Amadrinhador: Ricardo Comasseto

3 - DON GIOVANNI, IMIGRANTE 
Danilo Kuhn - São Lourenço do Sul
Declamadora: Silvana Giovanini 
Amadrinhador: Danilo Kuhn

4 - UM OLHAR PARA A TROPA 
Edson Marcelo Spode - Panambi

5 - EU E O MEU TAMBOR 
Carlos Omar Villela Gomes e Bianca Bergmam - Nicolau Vergueiro

6 - ENTRE PERFUMES E RISOS 
Joseti Gomes - Gravataí

7 - CADA INFÂNCIA COM SEU TEMPO 
Léo Ribeiro de Souza - Porto Alegre

8 - O CAMPO QUE TRAGO 
Henrique Fernandes - Marau –
Declamador: Neiton Perufo 

9 - DINASTIA MISSIONEIRA 
Augusto Ferreira e Rodrigo Lopes - São Luiz Gonzaga
Declamador: Cristiano Bremm 

10 - GAÚCHO DE FATO, E ME VOU
Guilherme Suman Porto Alegre
Declamador: Guilherme Suman 
Amadrinhador: Raphael Madruga 

Resultado oficial do 17º JuvEnart - Rancho da Saudade é o grande Campeão


Melhor Indumentária Prenda
CTG ALdeia Farroupilha |  Farroupilha  | 25ªRT

Melhor Indumentária Peão
CTG Gildo de Freitas  |  Porto Alegre  | 1ªRT

Melhor Indumentária Conjunto
CTG Rancho de Gauderios  |  Farroupilha  |  25ªRT

Melhor Conjunto Musical
1º Lugar: CTG Tropilha Crioula  |  Getulio Vargas  |  19ªRT
2º Lugar: CTG Patrulha do Rio Grande |  Santo Antonio da Patrulha  | 23ªRT
3º LUgar: CTG Rancho da Saudade  |  Cachoeirinha  |  1ªRT

Melhor Coreografia de Saida
1º Lugar: CTG Aldeia dos Anjos  |  Gravataí  |  1ªRT
2º Lugar: CTG Patrulha do Rio Grande |  Santo Antonio da Patrulha  | 23ªRT
3º Lugar: CTG Chama Nativa  |  Esteio  |  12ªRT
4º Lugar: CTG Gildo de Freitas  |  Porto Alegre  | 1ªRT
5º Lugar: CTG Tropilha Crioula  |  Getulio Vargas  |  19ªRT 

Melhor Coreografia de Entrada
1º Lugar: CTG Patrulha do Rio Grande |  Santo Antonio da Patrulha  | 23ªRT
2º Lugar: CTG Gildo de Freitas | Porto Alegre | 1ªRT
3º Lugar: CTG Lalau Miranda | Passo Fundo | 7ªRT
4º Lugar: CTG Raphael Pinto Bandeira | Rio Grande | 6ªRT
5º Lugar: CTG Aldeia dos Anjos  |  Gravataí  |  1ªRT

1º Lugar - CTG RANCHO DA SAUDADE - Cachoeirinha, 1ª RT
2º Lugar - CTG GILDO DE FREITAS - Porto Alegre, 1ª RT 
3º Lugar - CTG M’BORORÉ - Campo Bom, 30ª RT 
4º Lugar - CPF PIÁ DO SUL - Santa Maria, 13ª RT
5º Lugar - CTG PATRULHA DO RIO GRANDE - Santo Antônio da Patrulha, 23ª RT 
Também, já pré classificados para o Juvenart 2020
06 - CENTRO FARROUPILHA DE TRADIÇÕES GAÙCHA – Alegrete, 4ªRT
07 - CTG ALDEIA DOS ANJOS - Gravataí, 1ª RT 
08 - CTG GUAPOS DO ITAPUÍ - Campo Bom, 30ª RT 
09 - CTG ESSÊNCIA DA TRADIÇÃO - Novo Hamburgo, 30ª RT 
10 - CTG CHAMA NATIVA - Esteio, 12ª RT
11 - CTG RANCHO DE GAUDÉRIOS - Farroupilha, 25ª RT
12 - CTG LALAU MIRANDA - Passo Fundo, 7ª RT 
13 - CTG TIARAYÚ - Porto Alegre, 1ª RT 
14 - GTC 20 DE SETEMBRO - Xangri-lá, 23ª RT 
15 - CTG QUERÊNCIA DO IMBÉ - Imbé, 23ªRT 
Tem o Player aqui no BLOG (acima, a direita) Mas pode entrar na página da Rádio Quero-Quero ponto net

quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Lançamento da Frente Parlamentar da tradição gaúcha será dia 7




"Seja Luz" - Uma reflexão sobre o suicídio

         Que a depressão foi considerada como o “mal do século” pela Organização Mundial de Saúde, todos já sabem. Mas agora, chegou a hora de desmistificar esta doença que atinge tantos jovens em todo o mundo, trazendo ódio, negatividade, impaciência, indiferença, incertezas...

           Está na hora de pararmos de justificar os motivos, para fazer a diferença, mudar, ajudar e salvar. Está na hora de parar de olhar só nossa própria vida e cuidarmos do nosso próximo. Resgatar, cuidar e AMAR...
O tradicionalismo não nos traz só cultura, ele nos traz amizades, histórias, alegrias, ele nos traz felicidade! É através desse meio que podemos fazer a diferença!

           Com isso, sabemos que a internet pode ser uma poderosa ferramenta para reverter este quadro, então está lançado o projeto: SEJA LUZ... onde através de desafios o amor a si mesmo e ao próximo será cultivado e ajudando aqueles que mais precisam!!!!

    Seja luz por onde passa, porquê escuridão o mundo já tem de sobra!!!

Siga o Instagram do Projeto para saber melhor como ele irá funcionar: @projetosejaluz__    Vamos juntos nessa causa?

Idealização:
2° Prenda Juvenil da CBTG - Gabriela de Oliveira Silva
Realização: Departamento Cultural CBTG