sábado, 18 de abril de 2015

No sábado a tarde, um momento de fé: A chegada da imagem de Nossa Senhora

          Logo após o almoço (sendo que algumas categorias não pararam para tal) continuaram as provas de galpão e iniciaram as provas de mangueira (encilha, tosa, redeas...)
           As torcidas ficaram ao redor, bem como, as equipes de apoio da gurizada. Olhares atentos.. comentários... incentivos.
           Um momento de simplicidade e de emoção foi a chegada da imagem de Nossa Senhora, trazida pelo padrinho do Entrevero, Oscar Gress, que entrou à cavalo na cancha acompanhado dos peões e guris farroupilhas do estado.
          Neste momento os concorrentes do Entrevero já estavam reunidos na cancha, organizados pela diretora de concursos do MTG, Anijane Varela, com a ajuda de Priscila Tisott e Cyro João Winck.
          Ao chamamento do narrador, as equipes de cada região vinham em direção ao padrinho com a Santa e a saudavam, demonstrando sua fé e sua crença.


           Logo após esta pequena abertura na campeira, reiniciaram as provas, com as torcidas concentradas no "barranco" que servia de arquibancada improvisada. Famílias mateando, fazendo "piquenique" enquanto a gurizada ia desenvolvendo suas provas.
           Os piás aproveitaram o momento e foram brincar de "vaca parada". Agora é aguardar o próximo "post" com o resultado do 27º Entrevero de Peões.

Sábado pela manhã, com chuva, foram as provas de galpão do Entrevero

           Apesar da chuva que caia na manhã deste sábado, 18 de abril, as 8h30min, peões, guris, piás e familiares já se dirigiam ao sindicato rural de Marau para a realização da primeira parte das provas campeiras do 27º Entrevero Cultural.

           Três comissões distintas atendiam as três categorias, dando atenção especial à todas. Comissões formadas por pessoas que já haviam estado do outro lado da mesa, ou seja, já tinham colocado seus aprendizados e conhecimentos à prova em outras oportunidades, davam tranquilidade aos avaliados.
           Chimarrão, churrasco, charque, emalar poncho ou capa, trançar, provas rotineiras para quem vive no galpão. E a cada chimarrão preparado uma explicação de forma diferenciada, conforme os costumes regionais. O jeito de assar, de espetar a carne, cada explicação mostrava à comissão o grau de preparação do candidato para o concurso. 


Os segredos do Felipe Portinho, na abertura do Entrevero de Peões

           As 21h, da noite de sexta-feira, foi aberto, solenemente, o 27º Entrevero Cultural de Peões, no CTG Felipe Portinho, na cidade de Marau. Formaram a mesa oficial do evento, o patrão do CTG e presidente da Comissão Executiva, Jovino Segala, o presidente do MTG, Manoelito Carlos Savaris, o Prefeito Municipal, Josué Francisco da Silva Longo, o presidente da camara de vereadores de Marau, Matheus da Silva, a coordenadora regional, Gilda Galeazzi, a prenda e o peão do RS.
            O mestre de cerimonias, Airto Glademir Timm, presidente da OrCav, chamou os peões, guris e piás regionais, que foram acompanhados pelos padrinhos Oscar Gress e Marcia Gress.
            Em seu pronunciamento, o presidente da comissão revelou o segredo da estrutura do CTG Felipe Portinho (perguntado por tanta gente durante o dia) - apontou ex-patrões entre a plateia, pessoas que estavam la com suas famílias trabalhando pelo CTG. Além destes, outros voluntários, nos quais se somavam as filhas de João La Maison, patrão fundador da entidade na decada de 50.
            A coordenadora Gilda Galeazzi disse que este titulo era um dos poucos que faltava para sua região e que, ao ler a estatística no Jornal Eco da Tradição, deu-se conta que precisava de um peão que buscasse, pela primeira vez colocar a 7ªRT  como sede do Entrevero. Foi ai que Lucas Xavier, do Felipe Portinho, de Marau, que já havia desistido de ir para o concurso, na última hora mudou de ideia e participou.
            O Prefeito de Marau, Josué Longo, fez um discurso emocionado referindo-se à importância que tem este evento, bem como o concurso de prendas, e que,  ajudar na realização destes, não é gato... é um investimento.


            Manoelito Carlos Savaris disse ao patrão que faltou revelaar algo que ele achava muito importante: "O senhor revelou um segredo do sucesso do Felipe Portinho, mas acredito que faltou o segundo. Este CTG realiza somente fandangos, com pessoas pilchadas, e bem pilchadas. E a entidade está sempre cheia.  Eventos assim atraem as familias, fosse diferente, de qualquer jeito, estaria espantando elas. Por isso o Felipe Portinho, com 57 anos e uma belissima estrutura, é um exemplo", disse Savaris. 
           As 8h30min, d amanha de sabado, reiniciaram as provas no Sindicato Rural de Marau.

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Na estreia dos Piás, Entrevero teve 46 concorrentes nas tres categorias

          Bastava andar pelos corredores da escola, durante a prova escrita, para ver as novas carinhas que estreavam no Entrevero de Peões do Rio Grande do Sul.
         Eram os Piás, a categoria que inaugurava uma nova era no concurso estadual. Assim como as prendas tem a categoria mirim, agora os peões mirins, também concorrem no estado.
          Na rua, os pais, aflitos, ansiosos, aguardavam seus filhos terminarem a prova escrita. Mas, pelas fotos, a criançada não parecia muito preocupada.
          O concurso chegou a 46 concorrentes nas três categorias, e as comissões avaliadoras foram formadas por ex-integrantes de prendados estaduais, bem como, peões que ocuparam cargos de destaque em outras gestões.
          O CTG Felipe Portinho, com suas equipes de trabalho, colocaram toda sua estrutura a disposição proporcionando o bom andamento do entrevero.
          Na sexta-feira, dia 17, foi a vez da prova escrita e das provas artísticas, e as 21h, a abertura oficial. No sábado, apesar da chuva que começou no final da tarde, serão as provas campeiras.
          Um grande público, dividido em três palcos, incentivavam os concorrentes que, empolgados e ensaiados, exibiam seus conhecimentos e talentos artísticos. Bons musicais, familiares, coordenadorias completavam o público empolgado.
          Veja nos "retratos" os melhores momentos do primeiro dia do entrevero em Marau.






quarta-feira, 15 de abril de 2015

Presidente da CBTG recepciona José Ivo Sartori no CTG Tropeiros da Querência

          Campo Grande/MS: Na noite de ontem, 14 de abril, João Ermelino de Mello - Presidente da Confederação Brasileira da Tradição Gaúcha (CBTG) e sua esposa Carmen Beatriz Kraemer, a Patronagem do MTG-MS, a Patronagem do CTG Tropeiros da Querência e o tradicionalista e Deputado Federal por MS Carlos Marun, recepcionaram autoridades dos Estados do Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul que compõem o Codesul (Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul). Na oportunidade foi realizada uma homenagem aos integrantes das equipes do Codesul, em especial aos Governadores dos Estados do RS: José Ivo Sartori e do MS: Reinaldo Azambuja.
           A homenagem começou com a apresentação da Invernada Artística Juvenil do CTG Tropeiros da Querência. O ex-secretário de Segurança Pública de Mato Grosso do Sul e, atual titular da pasta, no Rio Grande do Sul, Wantuir Jacini foi homenageado por seu aniversário. O evento contou com as presenças de diversas autoridades e do ex-governador do PR - Orlando Pessuti e também ex-governador do MS - André Puccinelli.
Fonte: Aline Kraemer
Posteira de divulgação CBTG

Cesar Oliveira se desliga do "Solidariedade"


MTG e TVE podem firmar parceria

           Na manhã desta quarta-feira, 15 de abril, o presidente do MTG, Manoelito Carlos Savaris, esteve na Fundação Piratini, mais especificamente na TVE (educativa), para uma reunião com a direção  de jornalismo da emissora.

          A TVE opera no canal 7 VHF e possui algumas retransmissoras no interior do estado do Rio Grande do Sul. Além de ter programação local, transmite programas da TV Brasil. A emissora (juntamente com a FM Cultura) pertence à Fundação Cultural Piratini, da Secretaria de Comunicação e Inclusão Digital do Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

          O presidente explanou sobre o funcionamento do MTG, seus eventos de grande repercussão, falou sobre a Fundação Cultural Gaúcha e a TV Tradição.
          Cid Furtado Filho, diretor de jornalismo da TVE, disse que gostaria do MTG como parceiro da TVE, pois hoje já existem 10 emissoras comunitárias, universitárias e web TVs, trabalhando junto. "O MTG pode nos ajudar a construir uma nova televisão, e podemos promover a troca de conteúdos" - disse Cid.

          Desde março a TVE tem feito parcerias para construir uma TV que represente os segmentos da sociedade, uma TV pública e não de partidos. MTG e TVE devem se aproximar mais ainda nos próximos dias, pois ficou agendada uma nova reunião para definir a parceria.

terça-feira, 14 de abril de 2015

Presidente do MTG reúne-se com autoridades uruguaias para tratar da Chama Crioula

           O presidente do MTG, Manoelito Carlos Savaris, reuniu-se no hotel Plaza São Rafael, na tarde desta terça feira, com membros do departamento de cultura da intendência de Colônia, do Uruguai, local do acendimento da chama crioula Internacional.

          A Diretora de Cultura de Colonia, Mariela Zubizarreta, Alejandro Velluti, presidente da Associacion Turistica del Departamento de Colonia, e carlos Decurnex, juntamente com Lara Lindemeyer, produtora cultural gaúcha, conversaram longamente sobre o evento que movimentará a velha Colonia do Sacramento, símbolo da conquista da America.

          Manoelito Savaris explanou sobre a historia do RS e também do Uruguai,surpreendendo com o conhecimento de características que diferenciam os povos e que ao mesmo tempo os aproxima.
          Dia 28 de abril, Savaris estará presente em Colonia para uma reunião, finalizando os preparativos e dia 30 em Montevideo. Será o primeiro evento internacional voltado aos festejos farroupilhas do Rio Grande do Sul (oficial do estado - pois Aceguá, Livramento, e outras cidades de fronteira costumam ter essa aproximação).

#vempromate - Túlio Milmann publicou em Zero Hora

Nota de Túlio Milmann na Zero Hora de hoje

          Já foram mais de 40.000 curtidas nas diversas publicações no facebook, além dos sites e dos compartilhamentos que superam os 500.

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Nota de falecimento - Grande Ademar Silva

          É com imenso pesar que comunicamos o falecimento do musico, acordeonista, Ademar Silva. "Uma brilhante carreira como compositor e cantor, foi também o primeiro acordeonista de Teixeirinha. Deixa uma vasta obra de muitos sucessos" - conta Maria Luiza Benitez, em seu facebook oficial.
          O velório vai ser no Cemitério São Francisco de Paula, em Pelotas, a partir de meia noite e o enterro sera as 17hs desta terça.

Secretaria da Cultura abre edital para financiar ações na área da música

Inscrições para o Sonora Musical vão até o dia 02 de junho

           A partir desta terça-feira (14), estarão abertas as inscrições para o edital SONORA  MUSICAL, lançado pela Secretaria de Estado da Cultura (Sedac). Podem participar pessoas jurídicas de direito privado com ou sem fins lucrativos e ao todo sete projetos serão beneficiados. O investimento total é de R$ 650 mil, viabilizado via Fundo de Apoio a Cultura do Estado (FAC), com patrocínio da empresa GVT.

          A seleção pública contempla projetos em três categorias: Experimentação musical multimídia (dois projetos com R$ 150 mil cada); Circuito de shows em cidades fora do Estado (três projetos com R$ 100 mil cada) e Capacitação de artistas (dois projetos com R$ 25 mil cada). O período de inscrições dos projetos vai até o dia 02 de junho

          “A inovação do Sonora Musical é a inclusão da categoria experimentação multimídia, que estimula um novo olhar do processo criativo e artístico. É o envolvimento da música com manifestações artísticas de outros segmentos como design, artes digitais e games”, ressalta o secretário de cultura, Victor Hugo.

           Além disso, o edital pretende promover conexões entre as manifestações culturais gaúchas com o Brasil e o mundo, a inclusão no circuito comercial de novas iniciativas culturais e a qualificação do setor produtivo da música. Os projetos terão nove meses para execução e não serão admitidas outras fontes de financiamento público ou patrocínios.

 Inscrições nos sites: www.procultura.rs.gov.br   e  www.cultura.rs.gov.br

Quinta começa o 27º Entrevero de Peões, em Marau


Fim de semana na fronteira Brasil-Uruguay - Aconteceu o 3º Marco da Canção Gaúcha de Aceguá

          Acordamos na madrugada de sábado e fomos rumo a fronteira, mateando, fazendo um piquenique caseiro com a família dentro do carro, até chegar em Sant'Ana do Livramento. onde palestrei sobre a palavra do mestre Barbosa Lessa... A tese:" O sentido e o valor do tradicionalismo". Depois, as 16h,  rumamos à Aceguá, via Dom Pedrito, Bagé e, finalmente...na divisa com o Uruguay.
           Dois dias apresentando o 3º Marco da Canção Gaúcha de Aceguá, nas comemorações dos 15 anos de emancipação politica, desta cidade, que foi distrito da Rainha da Fronteira. Do outro lado do "marco" estava Aceguá Uruguaia, com mais de 150 anos.
          A primeira noite foram com os interpretes mirins e juvenis. A comissão julgadora do festival era formada por Zulmar Benitez, Alessandro Vaz Mattos, do grupo Sonido del Alma Gaucha, e Francisco Oliveira, campeão do ENART 2014, interprete solista vocal. Todos fizeram show na 1ª noite.

           Para meu orgulho, meu filho, Jean Carlo, participou como interprete solista juvenil acompanhado do outro filhote, Gabriel Soares e conseguiram o segundo lugar no festival... só posso dizer que foi um baita final de semana. 
           Jean interpretou a música "Na alma e na voz".
            Tarde de muita diversão, começando pelo almoço junto com os amigos e presenteado com uma Parrillada. Confesso que fiquei surpreso quando fui ajudar a "espetar a carne" e deparei-me com a churrasqueira, na residencia do Mario e da Liziane Jardim, diferente. Liziane é vereadora do município, reeleita, e ela foi a criadora do Festival Marco da Canção, em meados da década passada.
            Olhem a paisagem, no final de tarde...