quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Lançamento do livro "Esse tal de Borghettinho", no Praia de Bellas

Noite de autógrafos com Renato Borghetti e Márcio Pinheiro para lançamento do livro Esse tal de Borghettinho, de Márcio Pinheiro, Belas-Letras

          Tudo o que você gostaria de saber sobre o homem que fez da gaita e do chapéu o símbolo de uma geração está aqui. As muitas faces do músico que escondeu seu rosto para revelar o poder da sua arte. 
          As histórias contadas pelo gaúcho que atrai multidões pelo Brasil sem mostrar sua voz. Nesta biografia definitiva do grande gaiteiro, o jornalista Márcio Pinheiro abre, pela primeira vez, o fole da vida de Renato Borghetti para nos contar quem, afinal de contas, é “esse tal de Borghettinho”
          Praia Belas Shopping Center,  27/08 as 18h30min.


Palestra em Caxias mostra o excelente trabalho cultural realizado na serra gaúcha

          O prendado regional, junto aos departamentos, Cultural e Jovem, em parceria com as prendas e peões das entidades tradicionalistas, da 25ªRT, estiveram presentes na palestra dos "180 anos da Revolução Farroupilha", que aconteceu na sede da região, em Caxias do Sul, na chuvosa noite do dia 26 de agosto.
           Com a presença do Coordenador Regional, sr. Raul Pereira Teles, e do Conselheiro do MTG, Nicanor Castilhos, o evento iniciou com um protocolo bem organizado para logo em seguida o desenvolvimento do assunto da noite.
           Muito participativo, o público era de pessoas diretamente ligadas as entidades tradicionalistas, o que prendeu a atenção durante todo evento.
           Aqui, o registro em imagens, nas lentes de Jean Carlo Martins Bastos, que fez as fotos da noite.


           Depois, com o departamento Cultural e o Departamento Jovem Regional, visitamos o museu da 25ª RT e soubemos do trabalho que vem realizando aquela gurizada para limpar e separar as peças para a exposição.
           Um museu, sem duvida nenhuma, magnífico. Com peças raras, que não se encontra em qualquer lugar. Poucos são os lugares que tem eletrolas, rádios a válvula, relógios antigos, peças relicárias, telefones, instrumentos musicais,  carroções, carretas, entre outros.
            As crianças, nas escolas, estão fazendo desenhos sobre o tema camperismo para  expor  na semana farroupilha, e o Departamento Jovem regional criou um perfil no facebook para falar sobre o evento e temas culturais. 
        Atualmente estão falando sobre as obras de João Simões Lopes Neto, tema que foi sugerido para os departamentos culturais no encontro na capital. “Temos marcadas 25 palestras em escolas de Caxias do Sul que iniciaram em agosto, para dar tempo de realizar todas as atividades”. Conta Andrea Monteiro, diretora cultural da 25ªRT.

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Passo Fundo cancenlou o desfile

NOTA OFICIAL

             A Comissão Organizadora dos Festejos Farroupilha 2015, no uso de suas atribuições legais, comunica que o Desfile de 20 de Setembro (Desfile Farroupilha) de Passo Fundo não será realizado com a presença de animais eqüinos (cavalarias) , como medida preventiva, em razão da existência de casos positivos da doença do Mormo em alguns locais no Estado do Rio Grande do Sul. 


             Passo Fundo, 24 de agosto de 2015

domingo, 23 de agosto de 2015

Classificados na Inter-regional do ENART em São Jerônimo

          Os primeiros a carimbarem seus passaportes para Santa Cruz do Sul, confira aqui.












 

Iniciaram neste sábado, 22, a construção dos acampamentos no Parque da Harmonia

          O trabalho de construção dos galpões do 28º Acampamento Farroupilha, em Porto Alegre, foi intenso no final de semana. Os portões do Parque Maurício Sirotsky Sobrinho abriram cedo, no sábado, para receber as equipes.
Fotos: Sandra veroneze  - Montagem: Rogerio Bastos
          No total, são aproximadamente 360 entidades participantes, que têm até o dia 4 de setembro para deixar tudo pronto. O Acampamento abre oficialmente ao público no dia 7 de setembro e a programação se estende até o dia 20 de setembro.
          O tema dos festejos farroupilhas deste ano é ‘Campeirismo Gaúcho e sua importância Social e Cultural’. 

Já chegou! “Perfil Gaúcho” é o novo CD do grupo Os Monarcas

          “Perfil Gaúcho”, o novo CD do conjunto Os Monarcas, já chegou ao mercado e está à disposição dos fãs e dos admiradores da música tradicional gaúcha. É o 36º álbum da carreira do grupo e apresenta canções com muita vaneira, xote, chamamé, valsa e milongas. Um repertório dançante produzido com o tradicional trancão d´Os Monarcas. 
          O novo álbum traz quinze faixas e destaca a música que empresta o nome ao CD: “Perfil Gaúcho”. A canção é um chamamé, escrita pelo compositor Miro Saldanha, que fala do amor do gaúcho por sua terra e suas tradições. O novo CD pode ser adquirido nas principais lojas de discos e também nos bailes do conjunto Os Monarcas.
Daiana Silva
Assessoria de Imprensa

Palestra dia 02 de setembro na sede da 1ªRT

Aberto à participação de todos

sábado, 22 de agosto de 2015

Começaram as inter-regionais do ENART - São Jeronimo foi sede da 1ª

          Começou hoje a corrida para a grande final do ENART - 30 anos, em Santa Cruz do Sul, no mes de novembro. São Jerônimo sediou a 1ª inter-regional do Encontro de Artes e Tradição Gaúcha.
          Ivan Botelho estava orgulhoso de ver o grupo de crianças dançando: "É o futuro!" - dizia emocionado.
          Os coordenadores regionais que pertencem á inter-regional foram convidados a unir os elos de uma corrente demonstrando, simbolicamente, a união entre as regiões.
          Logo após o hino nacional e o hino tradicionalista as autoridades fizeram seus pronunciamentos.

          O presidente do MTG, Manoelito Carlos Savaris, fez questão de ressaltar a importância de se dar atenção às novas gerações, como fez Ivan Botelho, emocionado.

          Logo após a abertura oficial os grupos já foram ocupando seus espaços no Ginásio e iniciando a força B do ENART 2015.
SÁBADO - 22/08/2015
08h30min - Palco 1: Danças Tradicionais (Força B) – Classificatória
09h - Palco 2: Danças de Salão – Classificatória
09h - Palco 3: Intérprete Solista Vocal Masculino – Classificatória
09h - Palco 4: Intérprete Solista Vocal Feminino - Classificatória
09h - Palco 5: Declamação Masculina – Classificatória
09h - Palco 6: Declamação Feminina – Classificatória
13h30min - Palco 1: Abertura Oficial da Inter-regional
15h - Palco 7: Reunião Equipe de Chula e Concorrentes
16h - Palco 7: Inicio da Modalidade de Chula – Final

DOMINGO - 23/08/2015
08h - Palco 1: Danças Tradicionais (Força B) – Final
09h - Palco 2: Danças de Salão – Final
09h - Palco 3: Intérprete Solista Vocal Masculino e Feminino – Final
09h - Palco 4: Violão, Viola, Violino, Gaitas, Conjuntos (vocal e Instrumental)
10h - Palco 5: Declamação Masculina e Feminina – Final
10h - Palco 5: Trovas, Causo e Pajada
10h - Palco 1: Danças Tradicionais (Força A) – Final - Ao final do último Grupo da Força B
19h - Palco 1: Divulgação dos Classificados para a Final do ENART

IDENTIFICAÇÃO E ENDEREÇO DOS PALCOS
Palco 1 - Ginásio Municipal- Av. Rio Branco, s/nº - Bairro Centro
Palco 2, 3 e 4 - Clube do Comércio - Av. Ramiro Barcelos, nº 360 - Bairro Centro
Palco 5 e 6 - Escola Cenecista Carlos Maximiliano - Rua Luiz Picarelli, nº 150 - Bairro Centro
Palco 7 - CTG Quero-Quero - Rua Barreto Leite, nº114 - Bairro Centro 

ATENÇÃO: Para todos os participantes do ENART 2015 - Resolução 07/2015


RESOLUÇÃO Nº 07/2015

          Define critérios de classificados para a final do ENART 2015, segundo artigo 11, inciso III do Regulamento do evento.
          Com a finalidade de bem interpretar e esclarecer o que define o artigo 11, inciso III do Regulamento do Encontro de Arte e Tradição Gaúcha – ENART, o Conselho Diretor do MTG resolve:

Art. 1º- A parte do Regulamento em questão é: “Serão considerados classificados também os 5 (cinco) concorrentes com as melhores notas entre os não classificados de todas as inter-regionais, em cada modalidade, exceto danças tradicionais força A, onde serão classificados 4 (quatro) desta forma.”

Art. 2º - Para completar os classificados para a final, a secretaria do MTG organizará uma lista única de concorrentes não classificados na ordem decrescente de notas obtidas na etapa classificatória das inter-regionais (notas obtidas no primeiro dia)

Art. 3º - A divulgação dos classificados será divulgada depois da última inter-regional.

Porto Alegre, 21 de agosto de 2015.

Manoelito Carlos Savaris
Presidente do MTG

Nairioli Antunes Callegaro
Vice-Presidente de Administração e Finanças

Comissão Gaúcha de Folclore reinaugura sede, no dia do Folclore

           Completando a programação da semana do folclore, a Comissão Gaúcha de Folclore reinaugurou sua sede e da Fundação Santos Hermann. Na sexta, dia 21, na Biblioteca Pública Fernandes Bastos, em Osório, foi feito o lançamento do livro “Coberta d’Alma no Litoral Norte do Rio Grande do Sul”, de autoria da Professora Marina Raymundo da Silva, que ainda foi  outorgada pela CGF, com a Medalha  Dante de Laytano. 
            Hoje a noite, 22, no Galpão do “35” CTG, na Av. Ipiranga terá reunião festiva da Comissão Gaúcha de Folclore, para  reconhecimentos de méritos. A partir das 20h será realizada a entrega de Moções de Reconhecimento e Aplauso da Fundação Santos Herrmann para vencedores dos  concursos de violão, viola e violino do Encontro de Arte e Tradição/MTG – 2014:
Violão: Ismael Bolzan – CTG Herdeiros da Tradição – Caxias do Sul – 25ª RT.
Viola: José Pedro Rodrigues da Silva – CTG Herdeiros da Tradição – Caxias do Sul – 25 RT. 
Violino/Rabeca: Renato Eraclides Pulz – CTG Tropeiros da Amizade – Sapucaia do Sul – 12ª RT

          Logo depois,  entrega da Medalha Dante de Laytano, da Comissão Gaúcha de Folclore, para a Professora Maria Lúcia Brunelli e Engenheiro Agrônomo Luiz Alberto Ibarra.
          A professora Carmen de Mello Mattos, nos seus já 90 anos, coautora do livro "Contos Acumulativos sem fim", juntamente com a professora Rose Marie Reis, já falecida, autografou livros que foram entregues aos presentes na reinauguração da sede que contou com um belíssimo coquetel.

CTM de São Gabriel realizou palestra no Parque Tradicionalista da cidade

           A bela noite de sexta feira, 21 de agosto, na cidade de São Gabriel, foi paisagem de fundo do Parque Tradicionalista, onde aconteceu a palestra sobre os festejos farroupilhas de 2015, e teve como  ministrante, Rogério Bastos.
            As entidades atenderam o chamado da Coordenadoria Tradicionalista Municipal, e de seu Patrão, Marcio Davila, e se fizeram representadas no evento.
            Bastos abordou o espirito dos festejos, o por quê de comemorarmos a semana farroupilha, o temário anual, os 180 anos da Revolução Farroupilha, o Campeirismo Gaúcho, os 170 anos da Paz de Ponche Verde e os desfiles pelo estado, falando inclusive, da questão do Mormo. 
            No sábado pela manhã, foi a vez da Reculuta Municipal com a arte declamatória e, para isso, Julia Graziela Azambuja liderou a equipe, que ainda contou com ex-peão estadual, Robito Maciel. 
            A estrutura do Parque é magnifica. A organização, que conta com o casal Marcio e Cátia Cavalheiro e sua equipe, esta sempre atenta para os mínimos detalhes. "Estar na 18ªRT, conhecer o parque tradicionalista e rever amigos, não tem preço. Na hora que o Marcio falou comigo, havia desmarcado um apalestra e aberto espaço na agenda. Fiquei feliz em poder voltar na fronteira" - Rogério Bastos
           A agenda de palestra continua:
Dia 26/08/2015 - Palestra em Caxias do Sul à convite da Coordenadoria da 25ªRT e em parceria com o DTG Herança da Tradição
Dia 02/09/2015 - Palestra na sede da 1ª Região Tradicionalista 
Dia 04/09 - Passo do Sobrado (Passo da Mangueira) CTG Os Gauderios da Querencia 
Dia 05/09 - Palestra em Venancio Aires 

Dia 11/09/2015 - Palestra de numero 500, em MARAU/7ªRT, no CTG Felipe Portinho

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Editorial do Presidente - Caso de Mormo e suas implicações

          Mesmo sabendo que o tema se presta a inúmeras interpretações e a manifestações discordantes, sinto-me na obrigação de abordar a questão da presença do MORMO em território sul-rio-grandense.
          Em princípios de junho de 2015 foi confirmado um caso de mormo numa propriedade no município de Rolante. Desde o primeiro momento o MTG foi claro e enfático na orientação de que as medidas de proteção da sanidade dos equídeos era obrigação de todos: dos governos, das instituições e dos proprietários dos animais.
             Como consequência do caso em Rolante tornou-se  obrigatório exame negativo para o MORMO.Imediatamente o MTG divulgou, orientou e passou a exigir o cumprimento da determinação do Departamento de Defesa Agropecuária – DDA, da Secretaria da Agricultura e Pecuária- SEAP.
           Realizaram-se várias reuniões na SEAP, realizamos um encontro de organizadores de rodeios, com mais de 800 pessoas presentes. Finalmente tivemos a edição da Nota Técnica 02/2015 expedida pela Divisão de Defesa da Sanidade Animal (DDA-SEAP).

Alguns pontos fundamentais da Nota: 

1) o MORMO é uma enfermidade infecciosa que acomete principalmente equídeo e que pode contaminar humanos. A contaminação se dá pelo contato direto com as secreções dos animais infectados;
2) é obrigatória a GTA e a apresentação de exame negativo de AIE e Mormo, mesmo durante os eventos relacionados com a Semana Farroupilha, os promotores de eventos devem cadastrá-los junto as IDAs para autorização, em conformidade legislação vigente;
3) as fiscalizações acontecerão por amostragem a nível municipal conforme capacidade e demanda das unidades locais.
       
Portanto:

1. Os proprietários dos cavalos devem realizar os exames exigidos e retirar a GTA conforme manda a legislação;
2.Os promotores dos eventos (Prefeituras, RTs, CTGs) devem cadastrar os eventos junto às IDAs (Inspetorias Veterinárias) que não podem se negar a realizar o registro do evento;
3.O DDA, pelas suas inspetorias, fará as fiscalizações necessárias.

          Reafirmo o que já foi orientado em outros momentos: Os tradicionalistas devem cumprir a legislação e somente circular com seus cavalos e muares munidos de GTA. Os eventos programados, como rodeios, cavalgadas, desfiles, podem e até devem ser mantidos e realizados, mesmo que haja redução no numero dos participantes.
          Diante de constatação de animais em situação irregular, aplica-se a multa devida ou proprietário e recolha-se o animal.
          O cancelamento ou suspensão de eventos como os desfiles de 20 de setembro são de competência das comissões municipais, órgãos responsáveis pela programação local, conforme manda a Lei. Medidas nesse sentido devem ser pensadas e bem avaliadas, sob pena de que no ano que vem o cancelamento se dará por qualquer outra dificuldade.
          O MTG orienta: Realizem-se os eventos! Cumpra-se a lei! E que cada setor cumpra com suas obrigações!


Manoelito Carlos Savaris
Presidente do MTG

Porto Alegre realizará seu desfile - Teatro à céu aberto

 Desfile temático aborda o Campeirismo e os 180 anos da Revolução Farroupilha, no dia 20 de setembro

            Uma das grandes atrações dos Festejos Farroupilhas de 2015 será o Desfile Temático. O evento, a exemplo do ano passado, acontece na manhã do dia 20 de setembro, juntamente com os desfiles Cívico e Tradicional.

A Fundação Cultural Gaúcha e o Movimento Tradicionalista Gaúcho, responsáveis pela iniciativa, estão mobilizados com aproximadamente 1.400 voluntários, artistas amadores, distribuídos em dez invernadas, para apresentar a teatralização do tema "O Campeirismo e os 180 anos da Revolução Farroupilha".

No total, 10 coreógrafos coordenam o espetáculo de teatro a céu aberto de cada uma das invernadas. O trabalho iniciou em março, com ensaios e produção de elementos cênicos e figurinos.

Pelo segundo ano, consecutivo, o desfile temático ocorrerá antes do desfile tradicional com música tema, composição e execução de Alexandre Brunetto e grupo. Os voluntários integram CTGs, DTGs, Piquetes e Grupos ligados ao tradicionalismo gaúcho. O desfile inicia às 9h, no dia 20 de setembro, na Avenida Edivaldo Pereira Paiva, e será transmitido pela TV Tradição, ao vivo, pela internet.

O público terá acesso gratuito às arquibancadas e espera-se reunir mais de 12 mil (que consta no projeto) pessoas na avenida.

1ª Invernada: Os Vultos da Revolução
           Destacará os vultos que marcaram a Revolução Farroupilha e seu contexto sociocultural e histórico.

2ª Invernada: A Colonização
           Serão abordados os aspectos da colonização, o trabalho dos padres Jesuítas da Companhia de Jesus, a catequização dos índios das tribos Guaranis, a formação das reduções, chamadas de Sete Povos das Missões, a redefinição das fronteiras e a Guerra Guaranítica.

3ª Invernada: O Manejo da lide campeira
           Representará a lida com o gado no seu dia a dia, o manejo, o manusear do couro e sua utilidade, a doma e o trabalho do peão através do laço. Demonstração da categoria Vaca Parada com objetivo de preservar e incentivar a atuação do homem do campo.

4ª Invernada: O Galpão Crioulo
          Retratará o convívio do gaúcho em um ambiente de múltiplas faces em virtude das diversas etnias que formam nosso povo, das diferenças geográficas e climáticas de nosso rincão, acolhidos em um espaço onde a gastronomia, a indumentária, as relações sociais, esportivas, econômicas e culturais, se desenvolvem através do tempo, firmando hábitos e costumes de uma gente que cultua sua arte através da poesia, da música, dos bailes, das lidas galponeiras e do artesanato.

5ª Invernada: O Comércio do Charque e a cutelaria
          Apresentará o comércio do charque, símbolo da economia gaúcha, de outrora, sua movimentação na pecuária. O trabalho dos produtores, a incidência dos impostos da Coroa,  a concorrência com os Platinos. Também contará a importância do charque até a revolução e representará a arte do campeiro gaúcho na ferraria e na cutelaria, preparando facas, adagas e lanças.

6ª Invernada: As Carretas e a Tropeirismo
          Retratará a imagem das carretas e a figura do tropeiro. O girar das rodas das carretas carregou consigo uma história repleta de orgulho e coragem do povo gaúcho, sejam elas usadas por tropeiros para transporte de mantimentos em suas viagens, por mascates com suas variedades de mercadorias de vilarejos em vilarejos, o envio do charque pelos estancieiros ou até mesmo por fazendeiros e suas famílias em belos passeios por suas imensas propriedades. E a representará o orgulho e a honra nas rodas das carretas e no olhar do velho tropeiro.

7ª Invernada: O homem do Campo na Guerra
          Encenará a transição do homem do campo para guerra, o simbolismo do toque de clarim. Mostrará os cuidados com a estância, as lides com cavalo (que no futuro se tornaria o animal símbolo do Rio Grande do Sul), a montaria e a transformação dos estancieiros e dos peões em soldados. A indumentária e suas diferenças, o manejo das armas brancas e a dor e a angustias da distância da família também serão representadas.

8ª Invernada: A Mulher Rio-grandense
          Representará o papel da mulher, de fundamental importância, desde os primórdios da formação do povo sul rio-grandense no surgimento das primeiras estâncias. A responsabilidade de administrar a casa, a família e a lida campeira, bem como a manutenção e a subsistência do trabalho enquanto os homens estavam na luta e o seu envolvimento nos cuidados e assistência médica nos campos de batalhas. Destacará as suas conquistas na evolução da nossa sociedade.

9ª Invernada: Revolução Farroupilha Ícones
          Ícones da revolução, os homens que comandaram o exército farrapo e também o exército imperial estarão representados nesta invernada. Mostrará os momentos marcantes que aconteceram como a proclamação da República Rio-grandense, proclamada pelo Gen. Antônio de Souza Neto as margens do Arroio Seival e a prisão do Bento Gonçalves na Bahia. Representará as estâncias, as famílias que foram as que mais sofreram durante os 10 anos de Revolução Farroupilha, tanto a família de comandantes quanto a família dos soldados farrapos.

10ª Invernada: A Proclamação da Paz

          Representará a movimentação dos artífices na apresentação das condições de paz e o fim da guerra. A assinatura do tratado nos campos de Ponche Verde. A emoção de comandar o apresentar armas pela paz. A população recebe a notícia da pacificação e realiza uma comemoração especial a moda gaúcha, com lenços brancos e muita música. E a haverá a representação do acendimento da primeira "Chama Crioula", um dos símbolos da Tradição Gaúcha idealizada no espírito heroico dos Farroupilhas.

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

1ª Inter-Regional do Enart acontece dias 22 e 23 em São Jerônimo

             O município de São Jerônimo, na Região Metropolitana, será palco da 1ª Inter-Regional do Enart – Encontro de Arte e tradição, edição 2015. 
         Nos dias 22 e 23 o município se transformará na sede do tradicionalismo gaúcho, reunindo concorrentes com o sonho de chegar à grande final do evento, que acontece em Santa Cruz de 20 a 22 de novembro.
          Estarão em disputa as modalidades Danças Tradicionais (Força B), danças de salão, intérprete solista vocal masculino e feminino, declamação masculino e feminina, chula, danças de salão, violão, viola, violino, gaitas, conjuntos (vocal e instrumental), e trovas, causo e pajada.
          O evento será realizado em quatro locais, paralelamente: Ginásio Municipal, Clube do Comércio, Escola Cenecista Carlos Maximiliano e CTG Quero-Quero.
Em 2013 São Jeronimo já sediou uma inter-regional do ENART
          O evento é organizado pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho, através da coordenadoria da 2ªRT. Segundo o presidente do MTG, Manoelito Savaris, trata-se de um grande palco da cultura, arte e tradição gaúchas e que neste ano completa 30 anos de realização. “É um momento único para fazer e reencontrar amigos, confraternizar, e ao mesmo tempo promover os aspectos culturais do Rio Grande do Sul”, afirma.

Acampamento Farroupilha - Hoje é dia de retirar os Alvarás no centro de eventos

Reunião hoje, quinta-feira dia 20, vai contar com a presença dos bombeiros para entregarem os 365 alvarás para as entidades que se inscreveram este ano.

          As entidades inscritas para a 28º Acampamento Farroupilha de Porto Alegre (iniciou em 1987) deverão participar de uma reunião com a comissão organizadora e o Corpo de Bombeiros, que está marcada para as 19h de hoje, nno Centro de Eventos da Cultura Gaúcha, Almir Azeredo Ramos.

          Os piquetes, Centros de Tradições Gaúchas (CTGs) e de Departamentos de Tradições Gaúchas (DTGs) receberão os alvarás e o regulamento do acampamento, que será oficialmente aberto com a chegada da Chama Crioula, no dia 7 de setembro, ao Parque da Harmonia. Dia 05 encerram-se as construções, mas a comissão aguarda o encerramento da semana da Pátria, desde 1947, quando Paixão Cortes retirou a centelha da pira da pátria e transformou na chama crioula.

          Este ano a novidade é que os acampamentos que estavam atrás da câmara de vereadores de Porto Alegre, foram realocados para dentro das limitações do Parque, como era antes de 2004. E foi criada uma "rua dos bailes" (uma ideia que ventilava há muito tempo - mesmo que alguns que quiseram já se arrependeram) que deverá receber atenção maior da segurança.

Projeto interiorização dos festejos farroupilhas - Emenda Deputado Paulo Ferreira

Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore
Edital 02/2015 – Chamamento Público Projeto Semana Farroupilha 2015 – Interiorização

Ata da Comissão Julgadora

          Em 19 de agosto de 2015, na sede da Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore, foi realizada a reunião da Comissão Julgadora do Edital de Chamamento Público nº 02/2015, formada por Terson da Costa Praxedes do Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore, Nairoli Antunes Callegaro do Movimento Tradicionalista Gaúcho, Leoveral Golzer Soares da Secretaria de Estado da Cultura, Maria Marques  do Conselho Estadual de Cultura e Cristina Beleza Ribeiro da Comissão Estadual dos Festejos Farroupilhas, devidamente indicados para esta comissão por cada entidade supracitada nos termos do edital. Aberta a reunião, procedeu-se à avaliação do mérito dos 29 projetos habilitados nos termos do item 8 do referido edital.  A reunião desta Comissão Julgadora foi encerrada e a presente ata encaminhada ao presidente da Fundação IGTF para confirmação e devida publicação. A Ata da Comissão Julgadora vai assinada pelos seus componentes e pelo presidente da Fundação IGTF.
Terson da Costa Praxedes
Nairoli Antunes Callegaro
Leoveral Golzer Soares
Maria Marques
Cristina Beleza Ribeiro 

Luís Vinícius Brum da Silva
Presidente FIGTF

Classificados:
7ª Região Tradicionalista
CTG Estância da Serra
CTG Estância do Rio Pardo
15ª Região Tradicionalista
Grupo Folclorico Calhandra
CTG Rodeio Serrano
CTG Os Legalistas
8ª Região Tradicionalista
CTG Camaquã
CTG Chaleira Preta
CTG Tropeiro Velho
CTG Pompílio Silva